América Latina e as altas incertezas

November 18, 2019

 

     A América Latina certamente já presenciou dias politicamente e economicamente mais estáveis e prósperos. Desde os problemas econômicos da Argentina e os protestos na recente crise chilena, passando também pela instabilidade política da Bolívia e as expectativas sobre a economia brasileira (juntamente com seus casos políticos), o continente parece passar por um período de baixas expectativas.

     Segundo a Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL), a previsão do crescimento econômico, divulgado em novembro, para a América Latina deve ficar em torno de 0,1%, crescimento que foi revisado para baixo a partir do estimado em julho (0,5%). Ainda segundo a comissão, o Brasil cresceria apenas 0,8% em 2019, enquanto que a Argentina, o Chile e a Bolívia apresentariam resultados de -3%, 1,8% e 3,5%, respectivamente. No entanto, apesar das porcentagens positivas, o órgão ressalta que 17 países (em um grupo de 20 da américa latina) já apresentam uma redução de ritmo em suas economias.

     A Fundação Getúlio Vargas (FGV) também divulga um índice trimestral para seguir o comportamento e as expectativas da economia latino-americana. O Indicador de Clima Econômico (ICE – IFO/FGV) piorou em outubro, seguindo o comportamento de queda registrado nos dois trimestres anteriores em 2019. Com isso, o indicador bateu a marca dos -28,2 pontos, uma redução de 1,8 ponto em comparação com o registrado em julho.

    O continente também continua tendo um clima menos conveniente do que o mundial. Ainda segundo os dados publicados pelo ICE, em outubro, a economia da região seguiu o comportamento que perpetua desde 2013 em não ultrapassar o ICE mundial. Porém, vale ressaltar que a queda do ICE mundial em outubro foi mais acentuada (-8,7 pontos).

     Portanto, em um ambiente com economias que se baseiam na atividade exportadora para obter resultados relevantes de crescimento, juntamente com economia mundial em expectativa de desaceleração, não é surpresa que se projete um crescimento baixo, praticamente uma estagnação (segundo a CEPAL) para a América Latina em 2019.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Recentes

February 17, 2020

January 7, 2020

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Siga no Facebook
  • Facebook CMC